É fácil enumerar algumas vantagens da energia solar, elas, inclusive, já são conhecidas por grande parte das pessoas: sustentabilidade, economia, baixa manutenção, energia limpa, etc. Para residências, a procura pelo sistema tem sido cada vez maior e difundida.

Porém, outra área que está em pleno crescimento e se destacando na instalação de painéis fotovoltáicos, é o agronegócio. Uma pesquisa feita pela Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR), mostrou que o setor é, atualmente, responsável por 8,7% dos investimentos em energia solar. E mais, este número não deve parar por aí! O crescimento do agronegócio aumentará ainda mais a busca por novas tecnologias e meios sustentáveis de fazer energia.

Benefícios

O setor de agronegócio é promissor, principalmente no Brasil, país extenso e com clima favorável. Por este motivo, há constante busca por novas tecnologias que tragam inovação, bom desempenho e rentabilidade. Os profissionais desta área estão sempre de olho em modos de diminuir seus custos e aumentar a competitividade.

Dentre elas, a energia fotovoltáica é uma forma de manter a propriedade funcionando com energia gerada pelo seu próprio sistema, diminuindo, e muito, o valor das contas. E, também, evitando quedas e paradas. Além de ser uma fonte de geração de eletricidade limpa e renovável, colaborando para diminuir os impactos negativos ao meio ambiente.

Podemos listar outras vantagens do uso da Energia Solar no agronegócio:

Há diversas maneiras de fazer o bom uso da energia solar no agronegócio, como na produção leiteira. A energia resultante do sistema fotovoltáico pode ser utilizada nas câmaras de resfriamento, conservando da melhor maneira. Ou então, no bombeamento de água da propriedade. As bombas que podem ser movidas à diesel, podem receber a substituição de equipamentos que funcionem com energia advinda do sol. Na irrigação, o sistema também pode ser automatizado para o uso da energia fotovoltáica.

Outros benefícios são:

  1. Redução de custos Talvez o principal benefício do uso da energia solar no agronegócio é a economia na conta mensal de energia. Com o fim do uso da energia elétrica, a auto-geração de energia pode ultrapassar o gasto total mensal.

  2. Retorno sobre o investimento realizado Ao reduzir custos, a instalação dos equipamentos se paga. O tempo médio é que o retorno do valor investido retorne em um período de 5 a 10 anos. Como o sistema é de uso de longo prazo, ele se paga.

  3. Autonomia ao produtor Alguns sistemas conseguem produzir energia para toda a propriedade, saindo da dependência da concessionária.

  4. Fonte de energia limpa Para quem a sustentabilidade é um fator importante, a energia solar é uma das melhores opções. Ela não produz resíduos ou danos ambientais, ou seja, é fonte de energia limpa, sustentável e sem consumo de recursos naturais.

  5. Facilidade no financiamento Este ponto é de extrema importância! Pois muitas pessoas dizem que a energia solar é cara, o que não é verdade. Os sistemas de energia solar estão sendo barateados e, também, podem ser financiados pela Solstar. Parcelas em longo prazo e taxas justas. Assim, você já para de pagar a conta de energia e paga menos do que isso nas parcelas! Gostou deste conteúdo? Fique sempre sabendo de notícias importantes como essa. Acompanhe nossas postagens no Instagram e Facebook.

Faça uma simulação conosco!